O uso do jogo de roles (roleplaying game) como estratégia de discussão e avaliação do conhecimento químico

Eduardo Luiz Dias Cavalcanti e Márlon Herbert F. Barbosa Soares 

Resumo: Este trabalho apresenta a aplicação do RPG (Role Playing  Game) em ensino de química especificamente em cursos de formação de  professores, inclusive para subsidiá-los em sua futura atuação profissional,  utilizando tal estratégia para avaliar e discutir o conhecimento químico. 
Utilizou-se como método a fenomenologia, analisando os resultados sem se  preocupar com suas causas. Os resultados mostraram que o RPG é uma  excelente estratégia de avaliação, pois permite que o aluno se expresse,  inclusive em seus erros, facilitando a correção dos conceitos durante a  própria atividade, que é realizada pelo professor da disciplina, atuando  como mestre da aventura. A discussão dos conceitos é realizada durante  toda a atividade a partir do momento que os participantes têm que resolver  situações e problemas que contenham conceitos químicos para avançar no  jogo. As vantagens do uso do jogo em ensino de ciências está relacionado a  liberdade de ação, trabalho em grupo, cooperação e construção conjunta do  conhecimento.


[PDF] O uso do jogo de roles (roleplaying game) como estratégia de discussão e avaliação do conhecimento químico

EL Dias Cavalcanti… - … : Revista electrónica de …, 2009 - dialnet.unirioja.es
Resumo: Este trabalho apresenta a aplicação do RPG (Role Playing Game) em ensino de
química especificamente em cursos de formação de professores, inclusive para subsidiá-los
em sua futura atuação profissional, utilizando tal estratégia para avaliar e discutir o ...

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Artigos sobre jogos no ensino de Química na Revista Química Nova na Escola

Super trunfo da Tabela Periódica